Leitura de Mentes 025 – Falhas


downloadbotao feed

209x48-doar-laranja-assina

Olá ouvintes de mentes! 

“Todo mundo erra, todo mundo vai errar.” Isso é uma verdade da vida, e no RPG não é diferente. Mas o que fazer quando aquele erro nos dados, ou aquela escolha equivocada pode estragar toda a história que você e seus jogadores construíram? Você muda os resultados? Encara as consequencias? Chora?
Para bater esse papo divertidíssimo sobre como lidar com as FALHAS, nós  convidamos um especialista em falhar nos testes: Nosso querido Sidão, que participou da Crônica 02 “Bruxeiros” e de LdMs anteriores. Ouça agora esse episódio cheio de dicas e piadas falidas.

(o ministério da saúde adverte: ouvir esse podcast exige um teste de sanidade com redutor de -5. Se passar você ficará louco. Se falhar ficará De Mente!)

Sugestões, reclamações e elogios podem ser encaminhados para: contato@cronicasdementes.com.br Assine nosso feed, siga o crônicas no twitter (@cdmentes) e curta nossa página no facebook (facebook/cronicasdementes).

Links citados no episódio:
Grupo FACEBOOK De Mentes

Músicas do episódio: Knock Galley West – The Undead West The Wavers – 03 – Bars Beats Studio – Rockabilly
03 – Revelação-Velocidade da luz

Kara Square – Ukulele Vs. Kazoo and Whistle, Too
Pepe Frías – Baila con rita
Pepe Frías – Rita’s tune
Daniel Bautista – Vintage (Acoustic)
Esther_Garcia – Welcome to New Orleans
Josh Woodward (Instrumental Versions) –
Cherry (Instrumental Version) –
Bruna Tatiana – Eu Falhei [2014]
The Hypnotunez – Swing me UpLicença Creative CommonsEste trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.  

Anúncios

3 comentários sobre “Leitura de Mentes 025 – Falhas

  1. Caras, primeiro episódio que escuto do podcast de vocês e gostei bastante!!
    Acho que isso é algo com o que todo o narrador já sofreu o sofre, ainda mais quando é do tipo mais piedoso (me encaixo nesse grupo), onde fico com pena de matar pj’s por erros banais. Narrando Dragon Age, um jogador(mago) acabou entrando em combate corporal contra um estuprador dentro de um quarto fechado. Depois de uma briga tensa, o maníaco recuperou seu mangual e acertou um golpe contra a cabeça do pj, que causou dano bastante para matá-lo, em uma situação que não estava nem um pouco relacionada com a história principal.
    Para não matá-lo, conversei com o jogador que concordou em ter que ficar seis semanas sob cuidados médicos e receber sequelas mil, do que matar o coitado. Fiquei em dúvida se tinha feito o certo, mas como foi comentado, deve-se deixar uma morte para uma cena mais dramática ou – ao menos – em uma cena relacionada com a história.
    Quanto a situação da mina na estrada, porque não arrancar a perna do jogador que pisou sobre ela? Um pouco de crueldade não faz mal.
    =)

    Curtido por 1 pessoa

  2. Certa vez joguei uma aventura em que todo o mundo conhecido foi afetado pelo fato de eu ter matado a mulher errada, ou seja, a missão falhou miseravelmente. Contudo isso não fez com que a aventura tenha ficado ruim, foi surpreendente. Agradeço ao Gustavo Spiess por ser responsável pelo exílio do Pernalonga.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s